19 de maio de 2019 - domingo

Euro R$ {{cotacao.EUR.valor | number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Esporte
Automobilismo
06-03-2019 | 17h00
Fórmula 1 pode ter ponto para melhor volta
Uma reunião no Conselho Mundial de Esportes a Motor, na cidade de Genebra, na Suíça, vai decidir se a nova regra pode ser implementada

Luiz Felipe Mendes

Daqui a pouco mais de uma semana, a temporada de 2019 da Fórmula 1 terá início. Os fãs de automobilismo já estão em êxtase para o começo do campeonato mais importante da modalidade. No domingo, dia 17 de março, o Grande Prêmio da Austrália estreia a edição deste ano. O torneio, no entanto, pode ter uma mudança que está sendo estudada no momento: a possibilidade de um ponto para quem obtiver a volta mais rápida em uma corrida.

Na década de 1950, a Fórmula 1 contava com uma regra que viria a ser dissolvida. Além das pontuações para os pilotos de acordo com suas colocações em cada prova, aquele que tivesse o melhor tempo em uma volta adquiria um ponto extra. O campeonato de 1958, inclusive, foi decidido nesses detalhes. Para se ter uma ideia de como essa regra impactaria a atualidade, se ela estivesse presente no ano passado o finlandês Valtteri Bottas teria terminado em terceiro lugar, em vez de quinto. A intenção da Liberty Media, dona da F1, é justamente voltar com esse regulamento, para dar mais emoção às corridas. Uma reunião no Conselho Mundial de Esportes a Motor, na cidade de Genebra, na Suíça, vai decidir se a nova regra pode ser implementada. Então, todas as equipes participantes precisam aprovar para o ponto extra ser colocado de fato. Um outro ponto extra para quem conseguisse a pole position chegou a ser considerado, mas a Liberty Media desistiu por receio de que alguma edição fosse decidida antes de uma corrida em si.

(62) 3095-8700