20 de agosto de 2018 - segunda-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cultura
Celebridades
14/05/2018 | 06h00
Mãe de Titi, Giovanna Ewbank reprova termo ‘filho adotivo’
À revista In Style, Sandra Bullock criticou o uso do termo ‘filhos adotivos’ para falar dos herdeiros, Louis, de 8 anos, e Laila, de 6

À revista In Style, Sandra Bullock criticou o uso do termo ‘filhos adotivos’ para falar dos herdeiros, Louis, de 8 anos, e Laila, de 6: “Vamos nos referir a essas crianças apenas como ‘nossos filhos’. Não diga ‘meu filho adotivo’. Ninguém chama uma criança de ‘filho de fertilização’ ou meu ‘oh, droga, fui ao bar e fiquei grávida por acidente’. Vamos apenas dizer ‘nossos filhos’”. Mãe de Títi, de 5 anos, Giovanna Ewbank conta que concorda com a declaração da atriz norte-americana. “A frase da Sandra foi perfeita. A gente realmente não fala que foi um filho por acidente, que foi um filho de fertilização. Por que tem que falar filho adotivo? Filho é filho”, afirma em conversa com o Purepeople. A atriz garante que não há diferenças entre filhos biológicos e adotados: “A relação de mãe e filho é a mesma. Mãe é quem cuida, quem cria, quem está presente. Filho é quem recebe isso. A colocação dela foi maravilhosa”. (Tatiana Mariano, Purepeople) 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)