19 de novembro de 2018 - segunda-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cidades
Jaraguá
10/10/2018 | 12h40
Acidente grave entre carreta e veículo de passeio deixa 3 feridos
Entre as vítimas havia uma criança. Todos foram encaminhados ao Hospital Estadual da cidade

Da Redação

Na noite desta terça-feira (09), um acidente grave envolvendo uma carreta e um veículo de passeio deixou três pessoas feridas. A colisão entre os veículos aconteceu na BR-153, no trecho entre as cidades de Jaraguá e Rianápolis. Entre as vítimas estava uma criança. O Corpo de Bombeiros Militar de Jaraguá foi chamado para atender a ocorrência. 

Uma batida de frente entre os veículos fez com que três pessoas que estavam no carro de passeio ficassem feridas. Segundo tenente Rubens Gomes, do corpo de bombeiros de Jaraguá, todas as vítimas foram encaminhadas ao Hospital Estadual de Jaraguá.

O tenente afirma que o motorista do veículo pequeno, Enes Borges de Mendonça, de 46 anos, se encontrava em estado grave no momento do socorro, estava politraumatizado, teve fratura exposta em uma perna, fratura no punho, estava e ficou preso às ferragens. Ele foi desencarcerado e recebeu atendimento pré-hospitalar pelas equipes do Corpo de Bombeiros.

A criança, que estava no carro, foi encaminhada ao Hospital por pessoas que estavam no local antes da chegada do Corpo de Bombeiros.

Patrícia de Sousa Mendonça, de 37 anos, estava no banco do passageiro do carro, sofreu fratura na face e foi também atendida pela equipe de Resgate.

A equipe de reportagem entrou em contato com o Hospital Estadual de Jaraguá para saber o estado das vítimas e não foi informada até o momento da publicação.

 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)