15 de novembro de 2018 - quinta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cidades
Anápolis
12/07/2018 | 13h00
Instituição oferece cursos profissionalizantes para a comunidade
Com recursos do Luz Solidária Enel e por meio do projeto Semear, a população poderá realizar cursos de manicure, pedicure e artesanato, pintura e colagem em peças de decoração

Da Redação

Em parceria com a Enel Distribuição Goiás, o Centro Espírita Serapião Ribeiro, de Anápolis, oferece cursos profissionalizantes para a comunidade, por meio do Projeto Semear. Com recursos do Luz Solidária Enel, a entidade está oferecendo cursos de manicure, pedicure e artesanato, com pintura e colagem em peças de decoração. 

As inscrições para os cursos podem ser realizadas de 13 a 17 de julho, das 8h às 12h, na sede da instituição. que fica localizada na Vila São Joaquim em Anápolis.   Os interessados devem levar documentos pessoais - RG e CPF - e comprovante de endereço.

O objetivo do Projeto Semear é qualificar jovens e adultos para inserção no mercado de trabalho por meio da oferta de cursos profissionalizantes, além de estimular o empreendedorismo. Os cursos terão início no dia 1° de agosto.

Edital

O programa de sustentabilidade Luz Solidária Enel está com edital aberto para inscrição de entidades, associações ou organizações não governamentais (ONGs) submeterem projetos e concorrerem ao apoio financeiro do programa.

As inscrições vão até o dia 18 de julho, por meio do site www.luzsolidaria.com.br. Os projetos selecionados nos Estados do Rio de Janeiro, Ceará e Goiás receberão, ao todo, cerca de R$ 2 milhões e terão execução a partir de janeiro de 2019.

O valor disponibilizado está distribuído entre projetos que tenham caráter social e se encaixem nas categorias Meio Ambiente, Geração de Renda, Capacitação ou Direitos Humanos.

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)